Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 

Encontre o que deseja

NO AR

Acorda Cidade

    Rio Grande do Sul

Feriado com sol atrai visitantes para a Oktoberfest de Santa Cruz do Sul

Evento ocorre nesta terça-feira e entre sexta e domingo; só pode entrar quem apresentar carteira de vacinação

Publicada em 13/10/2021 as 08:48h por ISABELLA SANDER/GZH
Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Anselmo Cunha/ Agência RBS)

Após um ano sem edição, a tradicional Oktoberfest de Santa Cruz do Sul voltou a ser realizada em 2021. Ainda que com um formato diferente, adaptado ao contexto pandêmico, a festa alemã atrai centenas de visitantes nesta terça-feira (12) ensolarada de feriado de Nossa Senhora Aparecida.

 

As irmãs Jéssica Franz, 26 anos, e Janine Franz, 20, estavam vestidas a caráter para participar do desfile. Cerca de 150 pessoas participaram em nove carros alegóricos nesta terça. A dupla, que mora em Santa Cruz e desfila há sete anos, comemorava a retomada do evento.

 

— É muito divertido! Não tem como não participar. No ano passado, a gente quase chorou quando soube que não ia ter. Somos acostumadas a vir todo ano com nossos pais, é uma tradição para nós — conta Jéssica.

 

Para ser realizado, o evento precisou ser modificado. Para entrar, é preciso apresentar carteira de vacinação física ou virtual. As pessoas só podem circular usando máscara. Para tomar o chope típico ou comer uma cuca, por exemplo, é necessário sentar em algum dos 38 pontos de alimentação espalhados pelo Parque da Oktoberfest. Organizadores da festa alertam sobre as exigências por meio de autofalante e de abordagens àqueles que esquecem da exigência da máscara.

 

— Antes, a gente comprou um chope e pensou em dar uma volta, mas aí lembramos que não pode. Temos que nos autopoliciar, mas faz parte. Isso não tira a diversão da festa — opina Jéssica.

 

Outro trio que passeava usando trajes típicos alemães eram Alessandro Suzbacher, de 34 anos, sua esposa, Jéssica Suzbacher, de 29, e a pequena Alícia Ema Suzbacher, de seis meses, que estreou neste ano na Oktoberfest. O casal sempre participa do evento e resolveu levar a filha para desfilar, a fim de introduzi-la na cultura alemã desde cedo.

 

— Eu dancei por oito anos em um grupo de dança alemã e agora, depois que ela veio, quisemos colocar ela na cultura desde pequeninha — relata Alessandro.

 

Enfermeiro, Alessandro já tomou três doses da vacina contra a covid-19 e defende a importância dos cuidados tomados pelo evento.

 

— O passaporte vacinal é importante e necessário, mas cada um tem que ter consciência de manter os cuidados. Não adianta a organização ter cuidados e a gente não fazer o nosso papel — observa.

 

As amigas aposentadas Livane Küntzer, de 59 anos, e Fátima Leão, 62, resolveram recuperar o tempo perdido com a falta de Oktoberfest no ano passado e desfilar todos os dias nesta edição. Enquanto Livane usava roupas típicas alemãs, Fátima trajava vestimentas portuguesas.

 

— Apesar da pandemia, não podemos deixar a peteca cair. Tem que usar máscara, seguir todos os protocolos e viver, ainda mais na idade da gente. Não sabemos como vai ser o amanhã. Tem que se cuidar e se prevenir, mas não dá pra deixar de viver — ressalta Fátima.

 

A dupla faz parte de uma turma que se reúne para participar de festas como a Oktoberfest e bailes. Em 2020, o grupo sentiu falta dos eventos.

 

— No ano passado foi muito triste, comentamos bastante como fazia falta, aí olhávamos vídeos do ano anterior. Pena que os bailinhos ainda não estão liberados, mas é sempre muito bom — diz Livane.

 

A Oktoberfest de Santa Cruz do Sul ocorre nesta terça-feira, até a meia-noite, na sexta-feira (15), das 11h à meia-noite, e no sábado (16) e no domingo (17), das 10h à meia-noite.




Nosso Whatsapp

 

Visitas: 1724294 | Usuários Online: 66

Copyright © 2019 - Grupo Art Mídia Comunicação - Todos os direitos reservados