Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 

Encontre o que deseja

NO AR

RS Acontece

    Saúde

Camaquã tem agora 307 casos confirmados de Coronavírus

Publicada em 28/07/20 as 19:50h por Rádio Cidade Camaquã
Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Divulgação / Prefeitura Municipal de Camaquã)

Na tarde desta segunda-feira (28), a Secretaria Municipal de Saúde anunciou 307 casos de Covid-19 em Camaquã. De acordo com a SMS, 171 pacientes estão sendo monitoradas e 46 pessoas estão aguardando resultado dos testes.


De acordo com a médica, Dra. Eliane Scherer, plantonista do Pronto Socorro do Hospital Nossa Senhora Aparecida de Camaquã, a cada 10 pacientes que dão entrada no setor de doenças respiratórias, 07 estão com Covid-19 e as outras 03 sairão contaminadas. A médica disse que o número de pessoas infectadas na cidade é maior do que se imagina e que os casos estão sendo sub-notificados, sendo os números apresentados pela Prefeitura de Camaquã inferiores a realidade.


Durante entrevista à uma rádio local, a médica denunciou que há surtos de Coronavírus em vários setores do HNSA, na Prefeitura, supermercados e em indústrias locais. Dra. Eliane criticou o modelo adotado pela Prefeitura de Camaquã nas ações de enfrentamento à Covid-19. Segundo a profissional, a Prefeitura falhou ao orientar que pacientes retornassem para casa quando apresentavam suspeita do Coronavírus no início da pandemia, disse. No entendimento da profissional de saúde, Camaquã também  deveria testar mais pacientes, a exemplo de Cristal. Dra. Eliane  Scherer observou que o tratamento precoce poderia ter evitado muitos casos. A médica concluiu a entrevista apresentando uma denúncia grave ao afirmar que pacientes com Covid-19 dividem o mesmo ambiente com pacientes portadores de outras doenças no Hospital Aparecida, o que colabora para o aumento no número de infectados no município.


A médica defendeu o uso de azitromicina. poderoso antibiótico indicado para combater infecções bacterianas e também, ivermectina, indicado para combater parasitas. A profissional afirmou que já indicou, principalmente ivermectina, para mais de 200 pacientes os quais não contraíram o Coronavírus e caso venham a contrair o vírus, os sintomas deverão ser leves ou terão diagnósticos assintomáticos, concluiu.




Nosso Whatsapp

 

Visitas: 1783146 | Usuários Online: 141

Copyright © 2019 - Grupo Art Mídia Comunicação - Todos os direitos reservados